Artes - Gênero - Questões Culturais

A vida e a luta interior da mulher

a obra de Lygia Fagundes Telles .

Lygia Fagundes Telles (1923) é uma escritora brasileira. Romancista e contista, é a grande representante do movimento pós-modernismo. É membro da Academia Paulista de Letras, da Academia Brasileira de Letras e da Academia de Ciências de Lisboa. O estilo de Lygia Fagundes Telles é caracterizado por representar o universo urbano e por explorar de forma intimista, a psicologia feminina.

Nasceu em São Paulo, no dia 19 de abril de 1923. Filha de Durval de Azevedo Fagundes, advogado, passou sua infância em várias cidades do interior, onde seu pai era promotor. Sua mãe, Maria do Rosário Silva Jardim de Moura era pianista. Seu interesse por literatura começou na adolescência. Com 15 anos publicou seu primeiro livro, “Porão e Sobrado”. Formou-se em Direito e Educação Física, na Universidade de São Paulo, porém seu interesse maior era mesmo a literatura.

Lygia, é uma feminista convicta. Em seu romance “As meninas”, esse modo de interpretar a realidade fica evidente, já que a busca pela construção da história a partir de uma perspectiva feminina é aspecto central da obra. É a partir de um processo de auto-descoberta que Lorena, Lia e Ana Clara são capazes de entender o lugar que ocupam na história, no espaço social e no mundo.

Veja Mais

Uma entrevista